Fragrância como uma estratégia sensorial

Fragrância como uma estratégia sensorial

Neste artigo você verá:

  • Impacto das fragrâncias no humor;
  • Importância sensorial da fragrância em produtos cosméticos;
  • Importância da fragrância na experiência do consumidor;
  • Óleos essenciais: uma tendência natural.

Fragrâncias são compostos voláteis e semivoláteis. A seleção da fragrância para uma formulação cosmética é muito importante, já que esse componente é uma das principais variáveis que influenciam a compra de um produto. O sentido do olfato está diretamente ligado com o sistema límbico do cérebro, onde a memória e emoções são ‘armazenadas’. Esse é, provavelmente, o sentido mais conectado à memória. O olfato é percebido quando compostos voláteis presentes em um produto entram em contato com a cavidade nasal, sensibilizando o sistema olfativo.

As fragrâncias comunicam ideias e sinalizam sensações. A fragrância utilizada pode passar uma mensagem sobre as qualidades do produto (naturalidade e modernidade, por exemplo). A fragrância também pode impactar a percepção do consumidor sobre os atributos funcionais do produto, como suavidade na limpeza/hidratação, ou ação ‘terapêutica’, por exemplo. Além disso, elas podem também influenciar a maneira como os consumidores avaliam um produto cosmético.

De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC), a categoria de perfumaria cresceu 8,4% em 2020 no Brasil. Os brasileiros se interessam cada vez mais pelos perfumes nacionais. Além disso, o setor de perfumaria vem recebendo investimentos constantes em inovação nos últimos anos.

fragrancias naturais

Atualmente na indústria são utilizados dois tipos principais de fragrâncias: as sintéticas e as naturais. As naturais são derivadas de diferentes partes de plantas, como casca, flores, frutos, raízes, bulbos e sementes. São obtidas por processos físicos tais como destilação, expressão e extração. Apesar da demanda atual por fontes naturais, muitos tipos de fragrâncias são desenvolvidos de maneira sintética. Fragrâncias sintéticas podem ser criadas quimicamente ou podem partir de um composto natural modificado quimicamente (através da acetilação, por exemplo). Essas fragrâncias podem proporcionar aromas únicos e também são uma opção quando a obtenção por fontes naturais é inviável. Além disso, fragrâncias sintéticas podem ser mais fortes, com maior duração, mais sofisticas, complexas e com melhor preço quando comparadas com fragrâncias naturais. Elas também apresentam alguns outros benefícios, como maior facilidade de reprodução (ingredientes naturais podem apresentar variações nas características de acordo com a sazonalidade, por exemplo) e maior disponibilidade de opções (apesar das opções naturais crescerem cada vez mais).

O que a ciência nos diz?

Alguns estudos científicos publicados em diferentes revistas científicas exploram o impacto da fragrância em produtos cosméticos. Um estudo publicado em 2013, por exemplo, avaliou a influência da presença de fragrâncias em formulações cosméticas. Foram incorporadas duas fragrâncias em duas formulações diferentes (uma emulsão O/A e um gel de hidroxietilcelulose). Foram preparadas duas versões de cada formulação: duas com fragrância e uma sem fragrância. As fragrâncias utilizadas foram a fragrância de fennel e uma fragrância floral e doce. No estudo, 50 voluntários saudáveis, não fumantes, com idade de 18 a 50 anos aplicaram os produtos na parte externa das mãos.

Observou-se que as fragrâncias influenciaram a percepção dos voluntários sobre as formulações. Os voluntários demonstraram preferência pelas formulações que continham fragrância. Além disso, observou-se maior preferência pela fragrância de fennel, que é suave, delicada e mais refrescante. A fragrância floral e doce, por sua vez, se destaca mais, sendo mais proeminente.

Além disso, as fragrâncias também influenciaram a percepção sobre outras características da formulação, como oleosidade e espalhabilidade.

Um estudo publicado em 2019 avaliou os efeitos da fragrância através do uso de um eletroencefalograma. Ainda não há nenhum método oficial para avaliar o sensorial de formulações cosméticas. A maioria dos testes consistem em questionários. Entretanto, o resultado desses testes pode ser muito subjetivo. O eletroencefalograma é um dispositivo utilizado para análise da atividade cerebral, através da análise de ondas cerebrais. Foram utilizadas três fragrâncias: de lavanda, de hortelã-pimenta e de café. As participantes (n = 12) inalaram as fragrâncias por três minutos.

De acordo com os resultados obtidos com o uso do eletroencefalograma, a fragrância de lavanda possui efeito estabilizador (calmamente), enquanto a hortelã-pimenta e café possuem efeito ‘excitante’, animador.

As participantes também responderam um questionário de avaliação subjetiva, e foi possível obter os mesmos resultados.

Outro estudo publicado em 2019, no Journal of Sensory Studies, analisou o efeito relaxante causado pela fragrância de Peônia. Foram testados dois produtos contendo a fragrância de Peônia: um shampoo e um sérum. Essa fragrância é fresca e floral, com notas de frutas cítricas tropicais, assim como notas amadeiradas. De acordo com os resultados do estudo, a aplicação dos produtos resultou em um efeito relaxante nos participantes (55 voluntárias). Foram avaliados fatores fisiológicos, como a frequência cardíaca, intervalo entre batidas, atividade eletrodérmica, pulso e pressão sanguínea.

Um estudo publicado em 2020, também no Journal of Sensory Studies, analisou a influência da fragrância e coloração em um sabonete líquido. A fragrância foi a variável com maior impacto. Foram utilizadas duas fragrâncias: uma frutada e uma herbal. O estudo foi realizado com 104 participantes femininas do Uruguai. De acordo com a escala hedônica (uma escala de 9 pontos utilizada para medir preferência, muito utilizada em análise sensorial), foi observada maior preferência pelas amostras com a fragrância frutada. Conforme o questionário CATA, os consumidores tendem a usar termos associados a características positivas quando os sabonetes correspondem à sua preferência de fragrância. Além disso, os sabonetes com aroma frutado foram descritos foram descritos como “deixaria minha pele macia”, “boa qualidade” e “relaxante”.

Bem estar e fragrância

O bem-estar é cada vez mais valorizado em produtos cosméticos, e as fragrâncias podem possuir um poder emocional. Muitas marcas tentam criar uma conexão emocional entre seus produtos e os consumidores, e a fragrância é um fator chave para isso. De acordo com Ben Webb, líder regional de fragrâncias da Givaudan na Ásia-Pacífico, por conta do estresse causado pela pandemia do COVID-19, o bem estar físico e mental tem se tornado prioridade para os consumidores. Produtos capazes de oferecer uma experiência de bem-estar e relaxamento são uma tendência. Além disso, segundo o especialista, a pandemia do novo coronavírus vai influenciar ainda mais a maneira que as pessoas consomem produtos de beleza, aumentando ainda mais a busca por produtos que proporcionem ideia de alegria e bem estar.

A Givaudan, por sua vez, desenvolveu uma ferramenta chamada VivascentzTM, que auxilia os desenvolvedores a criarem fragrâncias com benefícios de bem-estar. Essa tecnologia foi desenvolvida pelo Centro de Excelência em Saúde e Bem-Estar da Givaudan em parceria com um pesquisador acadêmico. De acordo com testes feitos com mais de 2,000 consumidores, fragrâncias criadas com a tecnologia VivaScentzTM conseguem impactar o bem-estar geral. Essa tecnologia consiste, basicamente, em uma métrica que avalia o bem-estar no geral, cobrindo fatores psicológicos, fisiológicos e sociais.

Segundo a Mintel, o conceito de bem-estar tornou-se uma parte muito importante da rotina de beleza. A agência deu o nome ‘Beautiful Mind’ para a tendência, e a classificou como uma das quatro principais tendências para o ano de 2021. De acordo com a agência, marcas que destaquem a rotina de beleza como uma maneira de combater o estresse e a ansiedade irão gerar valor a longo prazo para os consumidores.

Mas, na prática, quais tipos de fragrâncias podem passar a mensagem de bem-estar? Existem algumas combinações que podem ser feitas:

Características/BenefíciosAromas
Energizante

Notas cítricas populares, como bergamota, laranja e lima.

FocoHortelã-pimenta, cipreste e canela.
Alívio do estresseFragrâncias com infusão de lavanda e camomila.
Fonte: Adaptado de STERNBERG, Charles. Orchidia Fragrances Shares the Top Scents for Wellness. Happi, 2021.

Óleos essenciais – tendência natural para perfumação de cosméticos

O aumento do uso de óleos essenciais em produtos cosméticos pode ser explicado pela demanda por ingredientes naturais. Os óleos essenciais podem fornecer aromas únicos e agradáveis aos produtos cosméticos e ao mesmo tempo podem atuar como agentes bioativos, uma vez que consistem em um mistura complexa de compostos ativos.

Apesar do principal uso dos óleos essenciais ser como fragrância, há interesse em compreender os demais benefícios que os óleos essenciais podem proporcionar. Isso torna a presença desses ingredientes um atrativo em produtos cosméticos.

Tabela 1 – Perfil aromático de compostos individuais de óleos essenciais

Compostos presentes em óleos essenciaisDescrição do odor/aroma
BisabololOdor doce e floral
CitralCítrico
CitronelolFloral forte semelhante à rosa, doce
DecanalDoce, remete à laranja, cítrico
FarnesolFloral, cítrico fraco
GeraniolFresco, doce, remete à rosa
Acetato de GeranilaFloral rosa, herbal
LimonenoOdor forte de laranja
LinaloolFloral, gramíneo, cítrico
Acetato de LinalilFloral, cítrico doce
MentolAroma mentolado doce, refrescante, fresco
MircenoFloral
MiristicinaQuente, balsâmico, amadeirado
NeralCítrico
p-CimenoFresco, cítrico, amadeirado
SabinenoAmadeirado, cítrico
TerpinolDoce,
TerpinolenoFresco, amadeirado, doce, cítrico
alfa-PinenoFresco, doce, terroso, amadeirado
beta-FelandrenoMentolado
beta-PinenoAmadeirado
gama-TerpinenoAmadeirado; remete à limão, ervas; tropical.
Fonte: Adaptado de SHARMEEN et al., 2021.

Tabela 2 – Perfil aromático de alguns óleos essenciais usados em cosméticos e perfumes

Nome comumDescrição do aroma
Ylang ylangCaracterístico, floral, remete ao jasmim
NeroliDoce, fresco, floral
BergamotaSuave, delicado, cítrico, com características levemente florais/doe/balsâmicas
LaranjaOdor característico da casca de laranja
Toranja (Grapefruit)Fresco, forte e cítrico
LemongrassAroma intenso semelhante ao limão, doce
PalmarosaFresco, semelhante à rosas
EucaliptoFresco, balsâmico, remete à cânfora
ImmortelleForte, semelhante ao aroma do mel
JasmimIntenso, doce, floral
LavandaAroma doce e floral
Melaleuca (Tea tree)Aroma intenso e fresco, remete à cânfora
Camomila AlemãAroma quente e frutado, odor herbáceo doce
Hortelã-pimentaCaracterístico de menta, doce, semelhante ao mentol
GerânioOdor doce de rosa com um toque mentolado
Patchouli‘Terroso’, amadeirado, semelhante à cânfora
AlecrimForte, quente, amadeirado, balsâmico
Fonte: Adaptado de SHARMEEN et al., 2021.

A fragrância é um dos fatores sensoriais que mais impactam a decisão de compra de um produto cosmético, bem como a percepção dos consumidores a respeito da formulação. Os consumidores procuram cada vez mais por produtos que ofereçam uma experiência de bem-estar, e as fragrâncias podem ajudar a alcançar esse resultado. Fragrâncias de lavanda e camomila são exemplos clássicos de fragrâncias que podem ser utilizadas para proporcionar sensação de alívio do estresse, por exemplo.

Além da tendência de bem estar, a vegetalização e a demanda por produtos ‘naturais’ também é uma realidade. Nesse contexto, o uso de óleos essenciais para perfumar sistemas cosméticos é cada vez mais comum. A presença desses ingredientes em um produto cosmético pode torná-lo mais atrativo para alguns consumidores.


Procurando por mais informações técnicas sobre cosméticos? O Cleber tem uma série de conteúdos disponível, de artigos a podcasts e vídeos com dicas de formulação. Dá uma olhada:

[ARTIGO] Colour Cosmetics: tendências em maquiagem, relação com autoestima e ingredientes para formulações

[VÍDEO] Melhorando a espalhabilidade em emulsões cosméticas

[PODCAST] Como criar shampoos com diferentes posicionamentos

One comment

  1. Anônimo says:

    Excelente, amei como sempre aprendo muito com as suas publicações, sempre bem resumidas, parabéns como professor é exemplar

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.